Itápolis registra 1399 casos de dengue confirmados até o dia 24 de abril e a Prefeitura Municipal continua realizando ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, objetivando conter o crescimento de casos na cidade. Nesta semana, o Controle de Vetores realizou ações de eliminação de focos da dengue em Tapinas, com o Bloqueio de Criadouros e Mutirão de Recolhimento. Os agentes de combate às endemias visitaram as residências do distrito, orientando à população a identificar os criadouros do mosquito Aedes aegypti para eliminá-los.

A equipe do Controle de Vetores iniciou, nesta quinta-feira (23), o trabalho de Bloqueio de Criadouros e Mutirão de Recolhimento de Tapinas. Os agentes de combate às endemias visitaram as residências do distrito, orientando à população a identificar os focos do mosquito Aedes aegypti para retirá-los, já que também está acontecendo o Mutirão de Recolhimento em Tapinas. Também foi realizada a eliminação de possíveis focos do mosquito no cemitério local.

Itápolis registra 1362 casos de dengue confirmados até esta sexta-feira (17/04). As ações de combate a dengue não param: em 2 dias de trabalho em, apenas, 3 residências foram recolhidos 8 caminhões de criadouros da dengue no município.

O Corpo Clínico e a Administração da Santa Casa e a Secretaria Municipal de Saúde informam que até as 15:00 horas desta terça-feira (21/04) não deu entrada no hospital local nenhum caso suspeito de Coronavírus. As medidas preventivas estabelecidas pelo Governo Estadual e Prefeitura Municipal devem continuar sendo respeitadas em benefício da saúde de toda população itapolitana.

ATENÇÃO: Enfermeiros, médicos, técnicos de enfermagem, biomédicos, farmacêuticos e fisioterapeutas. A Secretaria de Saúde fará um cadastro destes profissionais, caso seja necessário realizar contratações emergências, temporárias, devido a COVID-19.