A conquista da casa própria é um dos maiores sonhos do brasileiro, mas adquirir um imóvel e não obter a escritura é viver uma situação incompleta. Para solucionar esta questão, a Prefeitura de Itápolis por meio da Secretaria de Habitação em parceria com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) desenvolve no município o Programa de Incentivo a Regularização, oferecendo auxílio aos mutuários para conseguirem a tão sonhada legalização da documentação de sua residência.

Moradores do Jardim do Sol há 15 anos, o casal Édio Bento da Silva e Sandra Regina Martelli da Silva, esperava regularizar sua escritura: “agora estamos felizes, porque, podemos dizer que a casa é nossa, com a documentação está em ordem”.

O vice-prefeito, secretário e assessor adjunto da pasta fizeram a entrega das escrituras a esse grupo de moradores. Quem também vem sendo beneficiado com este serviço, por meio de um outro programa, que é o Cidade Legal da Secretaria Estadual de Habilitação, são proprietários de imóveis dos bairros: Santo Antônio e Jardim Europa de Nova América, Alvorada de Tapinas e Jardim do Sol, Silveira, Esperança I, Fraternidade e São Benedito de Itápolis.

Uma das preocupações da Administração Municipal é propiciar a resolução da situação desses itapolitanos. “Já entregamos escrituras a pessoas que esperavam há 27 anos para resolverem essa pendência, mesmo depois de ter quitado o imóvel, para poderem obter uma linha de financiamento que possibilitasse realização de melhorias na residência ou a negociação do imóvel”, disse o secretário.

Imprensa Prefeitura de Itápolis