Segurança monitorada é um tema tratado de maneira séria e comprometida pela Administração Municipal e dominou a pauta da reunião do CONSEG (Conselho Comunitário de Segurança) de Itápolis, realizada nesta semana na Sala "Júlio César Nigro Mazzo" da Câmara Municipal, na qual o prefeito esteve presente discutindo com o delegado da Polícia Civil, Dr. Edno Corrêa, um vereador do município, o Tenente Silvio Osório Dias comandante da Polícia Militar, presidente do CONSEG Avelino Cunha, entre outros participantes que representavam a comunidade local. 

Na ocasião, o Chefe do Executivo falou sobre um sistema de monitoramento - também avaliado por Ibitinga - que permite até a leitura de informações da placa de um veículo que tenha passado onde uma câmera estiver instada, garantindo um maior controle para segurança do cidadão. Imagine Itápolis e Ibitinga se auxiliando mutuamente no monitoramento das entradas/saídas da cidade? Como isso traria eficiência para os municípios na proteção de sua população!
As câmeras também seriam colocadas no centro comercial, em Unidades Básicas de Saúde e nas escolas municipais, propiciando um controle da circulação e acesso de pessoas nestes locais, o que consequentemente, eliminaria a intenção de atos contraventores. 
"Esse foi um dos nossos projetos que apresentei essa semana, nesta importante reunião, já com dados importantes demonstrados por uma empresa que desenvolve o mesmo serviço em São Paulo e nos dão a certeza de que assim que implantarmos em Itápolis, representará um grande avanço em nossa cidade", explicou o prefeito.

Imprensa Prefeitura de Itápolis