Em comemoração ao Mês do Meio Ambiente, a Prefeitura de Itápolis, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Ambiental, realizou no domingo (16/6), a 1ª Caminhada Ecológica.

As corretas práticas de podas de árvore urbanas foram abordadas durante curso realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Ambienta (SMDA) na última sexta-feira (14/06).

Na Lei de Crimes Ambientais 9605/98 em seu Artigo 49 está expresso: destruir, danificar, lesar ou maltratar, por qualquer modo ou meio, plantas de ornamentação de logradouros públicos ou em propriedade privada alheia, sob pena de detenção, de três meses a um ano, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente. No crime culposo, a pena é de um a seis meses, ou multa.

Funcionários da Prefeitura de Itápolis participaram de capacitação em Uso e Conservação do Solo na data de hoje (12). A palestra foi realizada pelo engenheiro agrônomo, Disnei Amélio Cazetta, que abordou a legislação estadual e federal relativa ao tema, além de explanar e exemplificar quais as práticas agrícolas necessárias para evitar erosões e voçorocas.

Desenvolver ações de educação em saúde ambiental para evitar que o mosquito Aedes aegypti continue se espalhando pela cidade: este é o objetivo do projeto apresentado pela Prefeitura de Itápolis e aprovado pela FUNASA (Fundo Nacional de Saúde), que garantiu R$ 250 mil para o município.