Geraldo Alves

Geraldo Hauers nasceu em Itápolis no ano de 1935 e adotou o nome artístico de Geraldo Alves. Ator e comediante brasileiro, na TV participou dos principais programas humorísticos, entre eles "Faça Humor, Não Faça a Guerra" e "Escolinha do Professor Raimundo" (Fazendo o papel de Bill Bebes, um repórter que fazia alusão ao reporte do SBT Gil Gomes).

Tinha surpreendente talento para imitações, quando personificava gente famosa, como Hebe Camargo, Paulo Maluf e Vicente Mateus.

Colocou, também, no vídeo, tipos como o Poderoso Chefão, no qual imitava Marlon Brando, além de caricaturas de Emerson Fitipaldi, Dom Evaristo Arns e Dom Hélder Câmara. Joelmir Beting, Paulo Francis e Eduardo Mascarenhas também não foram poupados.

Sua carreira artística teve início aos 15 anos de idade como locutor comercial da Rádio Difusora de Itápolis. Aos 18 anos mudou-se para a capital paulista e, na Rádio São Paulo, ganhou pequenos papéis em radionovelas no ano de 1955.

Decidiu transferir-se para o Rio de Janeiro e dedicar-se ao humorismo. Na Rádio Mayrink Veiga participou dos programas: A Cidade se Diverte; Vai da Valsa e Levertimentos, ao lado de comediantes consagrados, como Chico Anysio, Zé Trindade, Walter e Ema D´Ávila. ao lado dela participou do humorístico "Aí vem Dona Isaura", na TV Rio, em 1957. Na Rádio Tupi, integrou o elenco do programa "Turma da Maré Mansa" por alguns anos.

Foi contratado da extinta TV Excelsior desde seu início e foi redator do show dos Trapalhões, na Rede Globo.

Seu primeiro espetáculo individual no teatro aconteceu em 1985, com a peça "Desculpe a Nossa Filha... Perdão, a Nossa Falha", a qual permaneceu cerca de três anos em cartaz.

Criador de tipos ingênuos e muito engraçados, fez a sátira de Marília Gabriela (como Amarilda Cabidela) no quadro TV Milhar, do SBT. Ainda na mesma emissora participou da "A Praça é Nossa".

Depois transferiu-se para a Rede Globo para o programa "Escolinha do Professor Raimundo", onde interpretou "Bil Bebes", personagem inspirado em Gil Gomes, repórter policial do programa "Aqui Agora", do SBT.
Também atuou como dublador fazendo a voz do Ursinho Puff no desenho "As Novas Aventuras do Ursinho Puff", dublado nos estúdios da Herbert Richers.

Faleceu aos 58 anos de idade, no dia 19 de fevereiro de 1993, na cidade de Campos dos Goitacazes-RJ. A causa da morte foi uma parada cardíaca proveniente de uma série de complicações provocadas por um acidente automobilístico que ele sofreu quando retornava de uma apresentação em Campos dos Goitacazes-RJ.

Clique nos links e veja vídeos de alguns de suas apresentações: A Praça é Nossa-1990 - Praça Brasil - SBT-Brizola e Clóvis Bornay Bil Bebes na Escolinha do Prof. Raimundo